Carrinho 0

Polêmica em 1814!

Grande Odalisque, também conhecida como Une Odalisque ou La Grande Odalisque, é uma famosa tela do pintor francês Jean-Auguste-Dominique Ingres. A pintura de 1814 foi uma encomenda de  Caroline Murat de Nápoles, irmã de Napoleão. Envolto em muitas polêmicas, o quadro retrata uma odalisca nua, deitada num divã, de costas, mas tendo o rosto virado para o observador. 

No quadro, atualmente exposto no Museu do Louvre, Ingres parece esquivar-se do seu estilo neoclássico e entrar no movimento romântico da época na escolha de temas exóticos. Na composição do quadro, Ingres retrata uma personagem em um harém, mostrando o seu gosto pelo orientalismo, muito comum à época, após as invasões de Napoleão no Oriente, quando os temas orientais se tornaram uma coqueluche na arte francesa.

Os haréns costumavam ser os abrigos das funcionárias do rei. Estas mulheres trabalhavam nas funções domésticas, mas também serviam aos prazeres do rei e, com "sorte", poderiam se tornar esposa dele.

Entre as muitas polêmicas, ao ser exibida no Salão de Paris, em 1819, os críticos ressaltaram a pintura de costas muito alongadas, membros compridos e cabeça pequena, totalmente fora da realidade anatômica. Alguns críticos chegaram a dizer que “a mulher tinha três vértebras a mais”.  

Assim como no mundo das Artes, em que a pintura foi precursora no sentido que não precisava refletir a realidade exata, mas alcançar sua beleza máxima, para o design das joias da Maria Eulália, La Grande Odalisque foi uma grande inspiração.

O predomínio de cores frias no quadro, como o azul, entrou na safira azul de anéis, pulseiras e brincos. Outra alusão, é o contraste entre a mulher europeia em um cenário e pose não muito nobres, representados nas joias com a mistura do ouro e pedras preciosas, como o ródio negro, que traz um ar mais “casual”.

Estes fatores deram ares de outros tempos às peças da Maria Eulália que, apesar de serem atuais e versáteis, parecem ter saído de um porta-joias de 1800.

 

grande odalisque


Postagem anterior Postagem seguinte