Carrinho 0

Fernanda Camino, fundadora e diretora de criação da Maria Eulália, sempre teve fascínio pelos segredos e particularidades da joalheria - mundo ao qual foi apresentada por sua avó, Maria Eulália, uma renomada joalheira e profunda conhecedora de pedras preciosas. Em função disso, Fernanda cresceu cercada por diamantes, pérolas e outras preciosidades. A beleza particular de cada pedra e a riqueza dos detalhes das peças alimentaram uma grande curiosidade sobre a história de cada joia. Foi em Florença, onde Fernanda estudou design de joias, que a marca Maria Eulália começou a ser criada. Inspirada no contraste entre o Novo e o Velho Mundo, a designer explorou as diversas linhas de arte para criar joias atuais com traços de outros tempos, que realçam a beleza particular de cada mulher com elegância e glamour atemporal. O conceito de arte Romântica - principal movimento artístico do século XIX, nas palavras de Baudelaire, - descreve de modo perfeito o senso estético das criações da marca Maria Eulália. “O Romantismo não se encontra nem na escolha dos temas nem na sua verdade objetiva, mas no modo de sentir. Para mim, o romantismo é a expressão mais recente e atual da beleza. E quem fala de romantismo fala de arte moderna, de intimidade, espiritualidade, cor e tendência ao infinito…”. As joias Maria Eulália são verdadeiras expressões atuais da beleza. Suas criações únicas não se definem inteiramente nas escolhas dos temas das coleções, mas encantam pelo poder que cada peça tem de emocionar e cativar.